Interactive animation of Vincent Van Gogh – Starry Night

A try to visualize the flow of the famous painting “Starry Night” of Vincent Van Gogh.
The user can interact with the animation. Also, the sound responds to the flow.
Made with openframeworks.

Source: http://vimeo.com/36466564


Macadame debut EP

Yesterday I saw a concert by a band of Coimbra. They are called Macadame and consist of four boys and one beautiful girl. They sound like a fusion of traditional Portuguese music and several modern influences. With their music we can travel through the rural villages of Portugal without getting up from the sofa. They also have some influences from other Portuguese, recent, bands like Deolinda or Amor Electro.

I also enjoyed all the graphic and visual component of the concert. Were being projected multiple images and short films that complemented well the songs.

You can download, for free, the band’s debut EP at the following links:


Search tokens in iTunes

Just had an idea to improve iTunes user experience. In the Mail.app that comes with Mac OS X Lion Apple enabled a searching system that makes finding messages easier through the use of tokens. With tokens, you can search by date, name, message contents, or any combination of these.

To find a message in Mail, locate the search bar in the upper right-hand corner of the application. Type in what you remember about the message, perhaps it’s a person or the subject line, and as you type the search field will offer up a list of options, just like Spotlight. Click on any of these search suggestions to insert a token in the search field. For instance to specify a date, you can simply type in a month followed by the 4-digit year.

Here, for example, we’re searching for emails sent from Apple in April 2011 using tokens.

My idea is that Apple could bring the same system to iTunes. They could use tokens like: artist, album, genre, year or date added. I think it would be great to search content through the use of tokens on iTunes.


Tribute to Cesária Évora painting by Souto Moniz

Cesária Évora was a great Cape Verdean popular singer that died two days ago. Sometime ago I took the following photos of two paintings of Souto Moniz, a Portuguese painter. I think the paintings also illustrate the feeling that Cesária Évora showed us with her music. This is my humble tribute to Cesária Évora.


My favorite music albums of 2011

This is the list, in alphabetic order, of my 10 favorite albums that were released in 2011. Comment and share with me your picks.

  • Adele – 21
  • Beirut – The Rip Tide
  • Bill Callahan – Apocalypse
  • Florence + The Machine – Ceremonials
  • Hugo Kant – I don’t want to be an emperor
  • Iron & Wine – Kiss Each Other Clean
  • M83 – Hurry Up, We’re Dreaming
  • Mogwai – Hardcore Will Never Die, But You Will
  • PJ Harvey – Let England Shake
  • St. Vincent – Strange Mercy

Os álbuns de música preferidos de 2010

Encontra-se, de seguida, a lista com os meus 10 álbuns preferidos que foram lançados no ano de 2010. Comentem e partilhem comigo quais foram os que vocês gostaram mais.

  • Belle and Sebastian – Write About Love
  • Daft Punk – Tron Legacy
  • Goldfrapp – Head First
  • Gotan Project – Tango 3.0
  • LCD Sound System – This is Happening
  • Röyksopp – Senior
  • She & Him – Volume 2
  • Sofa Surfers – Blindside
  • Trent Reznor and Atticus Ross – The Social Network
  • Underworld – Barking

Breve opinião sobre o iTunes 10

O iTunes é dos programas que mais utilizo e infelizmente não gostei de algumas das mudanças que ocorreram na nova versão 10.

O facto dos botões de fechar, minimizar e maximizar terem uma nova disposição do lado superior esquerdo parece-me completamente despropositado. Compreendo que foi uma forma de se ganhar algum espaço vertical na aplicação, mas esse espaço, que era ocupado por esses botões, até ajudava a “agarrar” com o rato mais facilmente na janela do iTunes para a deslocar no ambiente de trabalho. Além disso, parece-me forçar um novo “mecanismo” com que os utilizadores não estão familiarizados.

A impossibilidade de ter as capas dos álbuns no modo de lista (primeiro modo de visualização) e o facto de não ser possível redimensionar o tamanho das capas (no segundo modo de visualização) são outras modificações que não compreendo.

Os pequenos ícones laterais desprovidos de cor tornam menos intuitiva a utilização da barra lateral. O utilizador perde mais tempo para focar na opção que pretende, com as cores tornava-se muito mais fácil porque instintivamente o utilizador associava a cor do ícone à respectiva opção.

O novo ícone da aplicação também não é particularmente bem conseguido, apesar de não o achar completamente horrível como alguns comentários que li, penso que poderia ser bem melhor.

O iTunes Ping aparenta ser, pelo menos agora, muito limitativo e penso que a Apple devia ter trabalhado melhor a ideia antes de se lançar no Universo das redes sociais.

Nem tudo é mau. A sincronização com dispositivos parece ser mais rápida e também notei que a aplicação responde melhor. Contudo, e em geral, fiquei um pouco desiludido com esta versão do iTunes…

Nota: Para os mais inconformados fiquem sabendo que é possível retomar (em parte) o aspecto anterior do iTunes e mantendo a nova versão 10. Este processo é feito através de um simples instalador que podem encontrar no seguinte endereço: http://www.macstories.net/mac/want-itunes-9-look-back-theres-a-mod-for-that/


Os álbuns de música preferidos de 2009

Durante este ano de 2009 consegui ouvir bastante música, segundo o Last.fm foi uma média de 55 músicas por dia o que se significa ter escutado aproximadamente 20000 músicas. Aqui estão apenas contabilizadas as músicas que ouvi a partir do meu computador e do meu iPhone, ouvi ainda mais música em outras situações como na minha aparelhagem, em casa de amigos ou no carro. Ainda assim esta é uma boa amostra para análise do que foi o ano de 2009 para mim enquanto consumidor de música. Em 2010 gostaria de ter um papel mais activo com a música e não ser somente um ouvinte, espero agarrar mais vezes na viola e conseguir evoluir um pouco mais os meus conhecimentos e experiência a esse nível.

Este ano escutei principalmente música indie com uma forte componente acústica. Bonitas vozes femininas também foram uma companhia frequente aquecendo-me o coração em dias mais frios e noites mais solitárias, marcando igualmente este ano. O nu-jazz também foi habitual, assim como o post-rock e a música electrónica.

De seguida encontra-se a lista, ordenada alfabeticamente, com os meus 10 álbuns preferidos que foram lançados neste ano de 2009.

  • Air – Love 2
  • Bill Callahan – Sometimes I Wish We Were an Eagle
  • Camera Obscura – My Maudlin Career
  • Kings of Convenience – Declaration Of Dependence
  • Nouvelle Vague – 3
  • Parov Stelar – That Swing
  • Placebo – Battle for the Sun
  • Röyksopp – Junior
  • The Prodigy – Invaders Must Die
  • The Whitest Boy Alive – Rules